Dois homens são encontrados mortos em balneário de Cachoeira do Sul

Local onde os corpos foram encontrados. Foto: José Renato Ribeiro/Jornal O Correio/Todos os direitos reservados

A Polícia Civil investiga a morte de dois homens na localidade de Balneário São Lourenço, no interior de Cachoeira do Sul, na região Central do Estado. As vítimas foram sequestradas por um bando armado na noite de terça-feira (10) e levadas até o balneário, onde foram mortas.

Os corpos de Diego Miranda Orquiz, de 29 anos, e Diego Nunes Hencler, de 20, moradores de Alvorada, foram encontrados com marcas de disparos de pistola calibre .380. Os dois possuíam antecedentes criminais, fato que pode estar relacionado com os crimes.

Conforme familiares, os dois tiveram a casa em que estavam invadida por seis homens armados que usavam colete à prova de balas e diziam ser da Polícia Civil. Os homens foram embarcados em um carro prata e não foram mais vistos.

As vítimas foram encontradas por um homem que caminhava pelo local onde os corpos foram deixados, à beira de uma estrada que dá acesso ao Balneário São Lourenço. A delegada Fabiane Bittencourt, da Delegacia de Polícia de Cachoeira do Sul, suspeita que o crime tenha relação com o tráfico de drogas. O caso segue em investigação.