Sete em cada dez são contra a reforma da Previdência, diz pesquisa Datafolha

O instituto Datafolha divulgou hoje (1º) uma pesquisa que aponta que 71% dos brasileiros é contra as propostas de reforma da Previdência. Há maioria contra as mudanças entre todos os grupos entrevistados, e a taxa de descontentes com a proposta é maior entre mulheres (73%), brasileiros que ganham entre 2 e 5 salários mínimos (74%), jovens de 25 a 34 anos (76%) e os com ensino superior (76%).

Conforme o instituto apenas 23% dos entrevistados diz ser a favor da reforma do jeito que está, 5% não sabe ou não opinou e 1% disse que é indiferente às mudanças. O Datafolha fez 2.781 entrevistas em 172 municípios na quarta (26) e na quinta (27), antes das manifestações ocorridas na última sexta-feira (28). A margem de erro é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos.

87% são contra às três principais mudanças juntas

As três principais mudanças – idade mínima de aposentadoria de 65 anos para homens, de 62 para mulheres, e a nova fórmula para cálculo de benefício, que exige 40 anos de contribuição para receber o benefício máximo – são reprovadas por 87% dos entrevistados. Conforme o Datafolha, 60% disseram ser contra o tempo necessário para benefício pleno e outros 27% disseram rejeitar todas as três mudanças.



Deixe um comentário para este conteúdo

O Plantão RS não é responsável pelos comentários publicados pelos usuários