Agente da Fase morre após ser baleada em apartamento no Centro de Uruguaiana

Caroline Moraes Tubino, de 30 anos. Foto: Reprodução

Uma agente da Fase (Fundação de Atendimento Sócio-Educativo) morreu após ser baleada dentro do apartamento onde morava, no Centro de Uruguaiana, na Fronteira Oeste do Estado. O crime ocorreu na manhã desta segunda-feira (24), na rua Júlio de Castilhos, por volta das 9h.

A vítima fatal foi identificada como Caroline Moraes Tubino, de 30 anos. De acordo com a mãe de Caroline, que socorreu a filha, ela chegou a ser levada desacordada ao Pronto Socorro Municipal de Uruguaiana, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Vizinhos encontraram a vítima ferida, do lado de fora do apartamento, com marcas de tiros nas costas e na nuca. A mãe de Caroline encontrou a filha quando chegava para ficar com o neto, para que a agente pudesse sair.

A Polícia Civil investiga o homicídio por meio da DEAM (Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher), porém ainda não há suspeitos. A motivação para o crime ainda é desconhecida. As câmeras de videomonitoramento do prédio não estão funcionando e não poderão ser analisadas. Imagens do entorno do imóvel não captaram nada que ajude nas investigações.

O marido de Caroline, que também é agente da Fase, estava trabalhando no momento da execução, segundo a polícia. Após ser considerado suspeito, Nilson Amaral foi detido, ouvido e liberado pela delegada que investiga o caso. Imagens do local de trabalho dele confirmaram que ele estava na Fase. Os agentes criavam juntos o filho de 10 anos de outro relacionamento da vítima.

Deixe um comentário para este conteúdo