Polícia tenta identificar participantes de racha que deixou dois mortos em Taquara


A Polícia Civil tenta identificar todos os participantes de um racha que resultou em duas mortes na noite de domingo (6), na ERS-020, em Taquara, no Vale do Paranhana. Dois jovens, de 18 e 22 anos, morreram e um casal está internado no Hospital Bom Jesus após ter sido atropelado.

Segundo os Bombeiros, William Beck, 18 anos, que estaria participando de um racha, colidiu contra a motocicleta de Jonas Bastos, 22, que foi atropelados por um Verona que não estaria participando do pega, conforme os bombeiros.

O acidente ocorreu na altura da parada 110, em frente a um posto de combustíveis na área rural do município por volta das 18h. A Polícia Civil apurou que quatro veículos se envolveram. Beck e outro motociclista estavam passando pelo Verona em alta velocidade quando bateu na conduzida por Bastos.

O motorista do Verona atropelou o primeiro jovem. Ao retornar, acabou atropelando o segundo e mais algumas pessoas que tentavam prestar socorro, entre elas, o casal que ficou ferido.

Ambos foram socorridos com vida, mas morreram durante atendimento médico. Um casal que tentou ajudar os feridos também foi atropelado. O homem e a mulher foram socorridos com ferimentos para o Hospital Bom Jesus, onde seguem internados.

A Polícia Civil diz não ser possível afirmar ainda se Jonas Bastos e o condutor do Verona estava participando do pega. Testemunhas serão ouvidas ao longo desta segunda-feira para investigar o crime. Conforme o delegado Ivair Santos, titular da Delegacia de Taquara, o condutor do carro pode ser pode ser enquadrado por homicídio culposo, quando não há intenção de causar uma morte.

Em nenhum momento uma viatura do CRBM (Comando Rodoviário da Brigada Militar) foi até o local. O Pelotão Rodoviário responsável pelo trecho se negou a passar informações por não ter atendido o acidente. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil, que procura por imagens de câmeras de videomonitoramento próximas ao local de onde ocorria o racha para identificar os participantes.

A moto usada por Beck que, segundo os Bombeiros, teria causado o acidente, não foi encontrada. A polícia acredita que o veículo tenha sido removido do local por amigos do participante.

Deixe um comentário para este conteúdo