Homem morre após ter o carro incendiado em Campo Bom, no Vale do Sinos

Vítima foi encontrada dentro de carro incendiado. Foto: Brigada Militar/ Divulgação

Um homem morreu após ser encontrado dentro de um carro em chamas na noite de segunda-feira (9), em Campo Bom, no Vale do Sinos. A Polícia Civil, que ouviu testemunhas do crime nesta segunda-feira (10), acredita que o indivíduo tenha sido agredido antes de ser colocado dentro do carro.

O caso ocorreu por volta das 22h de ontem, no cruzamento da avenida das Indústrias com a rua Arnildo Paz, na zona Industrial. Bombeiros foram chamados para controlar o incêndio em um Chevrolet Chevette.

Quando chegaram ao local, encontraram a vítima já inconsciente dentro do veículo. Paramédicos do Samu (Serviço de Atendimento Médico de Urgência) foram chamados para socorrer o indivíduo, que foi encaminhado em estado gravíssimo para o Hospital Lauro Reus.

Ele não resistiu aos ferimentos e morreu na manhã de hoje. Nas roupa do homem, foi encontrada a carteira de habilitação de Jonathan Dickin Coleraus, 31 anos, mas – oficialmente – o cadáver não foi identificado por causa das queimaduras. Apenas o trabalho de papiloscopiaidentificação humana por meio das impressões digitais – poderá confirmar a identidade da vítima.

Conforme a Polícia Civil, este é o terceiro caso de vítimas carbonizadas a ser registrado na cidade em menos de dois meses. No dia 6 de setembro, o corpo de uma mulher carbonizada foi encontrado no mesmo bairro. Ela não foi identificada ainda porque o exame de DNA ainda não ficou pronto.

Um dia depois, um homem foi encontrado morto a tiros dentro de um carro que teve princípio de incêndio criminoso no bairro Barrinha. Ele foi identificado como sendo Alex Pereira da Silva, de 43 anos.

Deixe um comentário para este conteúdo

O Agora no RS não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários realizados pelos usuários. O veículo pode, a qualquer tempo, moderar, excluir ou banir qualquer conteúdo publicado por estes em qualquer seção do site ou de suas páginas na rede social Facebook.