Beira-Rio e Arena poderão sediar jogos da Copa do Mundo 2030, diz jornal

Estádios da região Sul poderão fazer parte de sedes para Copa de 2030, segundo informou o jornal Estadão. Argentina, Paraguai e Uruguai, organizadores da campanha para sediar a competição em 2030 admitiram que estudam envolver o Rio Grande do Sul e o Paraná no projeto.

Além do Beira-Rio, que sediou cinco jogos no Mundial de 2014, a Arena do Grêmio também seria incluída, já que foi palco para jogos da Seleção. No Paraná, a Arena da Baixada, que participou da Copa do Mundo do Brasil, foi citada pelos organizadores, que oficializaram a candidatura como forma de celebrar os cem anos dos Mundiais da Fifa.

Arena do Grêmio também está na lista de prováveis locais de partidas. Foto: Lucas Uebel / Grêmio

O principal entrave são os presidentes da Argentina, Uruguai e Paraguai que relutam em incluir parte do território brasileiro. O temor dos organizadores é de que, com uma candidatura frágil, poderão perder a ocasião, principalmente se tiverem de concorrer contra a China. Pequim já indicou que quer a Copa do Mundo.

Na CBF, a ideia de envolver os estádios Beira-Rio, Arena e Arena da Baixada ainda é considerada como prematura.

Deixe um comentário para este conteúdo

O Agora no RS não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários realizados pelos usuários. O veículo pode, a qualquer tempo, moderar, excluir ou banir qualquer conteúdo publicado por estes em qualquer seção do site ou de suas páginas na rede social Facebook.