Direção do Inter planeja últimos jogos da Série B para fazer “vestibular”

Direção colorada já definiu a compra do jogador  Edenílson. Foto: Vitor de Arruda Pereira/ Rede Agora

A direção do Inter planeja usar o final da temporada para avaliar carências e até dar chances aos jogadores menos aproveitados pelo técnico Guto Ferreira de mostrarem seu valor para uma eventual permanência no clube.

A direção colorada estuda utilizar uma equipe alternativa nos últimos jogos pela Série B do Campeonato Brasileiro, com reservas e jovens atletas que foram promovidos do time sub-23 nesta temporada e que pouco atuaram.

Após o “vestibular”, a diretoria de futebol vai definir as carências que terão de ser solucionadas para 2018. A ideia é manter até 70% do elenco desta temporada. A maior parte dos atletas que compõem o grupo atual do Inter têm contratos de longa duração.

A direção estuda a permanência de jogadores cujos vínculos expiram em dezembro ou na metade de 2018. Estão sob análise os jogadores Carlos, Carlinhos e Felipe Gutiérrez. O clube já tem definido que irá exercer a opção de compra de dois atletas emprestados: Klaus e Edenílson.

Além dos jogadores disponíveis no atual elenco, o Inter vai estudar a situação dos  25 atletas emprestados a equipes das Séries A e B que retornarão entre o final da temporada e o primeiro semestre.

Deixe um comentário para este conteúdo

O Agora no RS não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários realizados pelos usuários. O veículo pode, a qualquer tempo, moderar, excluir ou banir qualquer conteúdo publicado por estes em qualquer seção do site ou de suas páginas na rede social Facebook.