Polícia investiga tortura em caso de homem morto na zona Norte de Porto Alegre


A 5ª DPHPP (Delegacia de Polícia de Homicídios e Proteção à Pessoa) investiga as circunstâncias da morte de um homem na zona Norte de Porto Alegre. O indivíduo estava com as mãos e pés amarrados e tinha marcas de disparos de arma de fogo.

O cadáver foi encontrado por volta das 9h da manhã de domingo (12) por moradores da rua Irmã Teresilda Steffen, na divisa geográfica entre os bairros Rubem Berta e Alto Petrópolis.

Conforme o 20° BPM (Batalhão de Polícia Militar), policiais foram chamados ao local e mantiveram a cena do crime até a realização da perícia. Os peritos apontaram que, além das amarras para impossibilitar a defesa, o homem foi morto com tiros pelas costas. Ele teria morrido instantaneamente.

O caso ainda é investigado e não há suspeitos. No entanto, o crime pode estar relacionado com outros do tipo que foram registrados nos últimos dias na região.

Deixe um comentário para este conteúdo

O Agora no RS não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários realizados pelos usuários. O veículo pode, a qualquer tempo, moderar, excluir ou banir qualquer conteúdo publicado por estes em qualquer seção do site ou de suas páginas na rede social Facebook.